Para a enóloga Marta Casanova, trata-se de um excelente exemplar da casta Viosinho, típica do Norte do nosso país especialmente do Douro e de Trás-os-Montes. Deve ser servido a uma temperatura de 12 a 15ºC, tornando-o ideal para esta época do ano, em que os brancos tomam conta da preferência dos consumidores”.

Notas de Prova da Enóloga

Apresenta no palato notas amanteigadas e fumadas conferidas pela madeira. Fruta branca e aromas florais. Muito vivo na boca, com frescura, untuoso e persistente. É por isso, ideal para a harmonização com Bacalhau confitado sobre uma esmagada de batata e grelos salteados.

Está disponível em 3324 garrafas de 75 cl e 150 garrafas Magnum (150 cl). Se conservado em boas condições, pode durar dois anos ou mais. O PVP é de 17,30 euros.

Ano vitícola 2020

O ano classificou-se como quente e muito seco, chovendo praticamente apenas no mês de abril. As temperaturas extremamente quentes no mês de julho contribuíram para que o período de janeiro a julho de 2020 fosse o mais quente desde 1931. O período de vindima, decorrido na primeira semana de setembro, classificou-se como quente e seco.