Esta é já uma das maiores tendências do ano para o setor das bebidas em Portugal – o arrojado formato de vinho em lata. A novidade chegou ao Vinho do Porto, com a centenária Taylor’s a estrear-se neste segmento com uma reinterpretação do seu clássico Taylor’s Chip Dry, um vinho branco seco lançado, pela primeira vez, em 1934. Nos últimos anos, ganhou novo fôlego no universo da mixologia, servindo de base à receita-fenómeno do Porto Tónico.

O Taylor’s Chip Dry & Tonic, disponível numa elegante e conveniente lata de 250ml, junta ao vinho um ingrediente-chave para compor a receita original: água tónica seca e especial, produzida em exclusivo pela Taylor’s. Pronta a beber, esta bebida deve ser consumida bem fresca, sendo perfeita para desfrutar em qualquer lugar ou ocasião, seja em casa ou em convívios ao ar livre, já que este formato é mais fácil de transportar, de armazenar e, claro, de refrescar.

Para Paulo Cunha, diretor geral da Heritage Wines, é com muito entusiasmo que iniciamos a comercialização do primeiro Porto Tónico em lata do mercado nacional, um produto que acreditamos ser capaz de atrair e surpreender não apenas novos consumidores, mas também os nossos habituais clientes. Este é um projeto que o grupo The Fladgate Partnership encara de forma muito séria, apostando neste formato com a sua principal marca de Vinho do Porto, mostrando não apenas a confiança neste segmento de mercado, mas sobretudo na enorme qualidade do produto final.”

O Taylor’s Chip Dry & Tonic cumpre uma rigorosa política ambiental já que a embalagem é produzida a partir de um material 100% reciclável. Recomenda-se, por isso, que a lata, depois de consumida, seja depositada em locais próprios, como o ecoponto amarelo. Cada unidade terá o preço de venda recomendado de 2,99€e está disponível online, através da OnWine, lojas do World of Wine, em Vila Nova de Gaia, Garage Wines, em Matosinhos, Apolónia, na zona do Algarve, Casa Manuel Tavares, em Lisboa, e Garrafeira Nacional, também com vendas para todo o país. Em breve também disponível nas grandes superfícies (hiper e supermercados).